Análise dos recursos hídricos

A análise dos recursos hídricos na área de influência do empreendimento contém 3 etapas, sendo a primeira antes do início das obras (já executada), a segunda durante a instalação (momento atual) e a terceira durante a fase de operação da rodovia (após o final das obras).

As amostragens são realizadas a cada quinze dias pela construtora, à montante e à jusante dos corpos d’água interceptados pela Rodovia BR-153, são eles: o Córrego da Fazenda Velha, o Córrego da Felicidade, a Represa Municipal, o Córrego da Baixada Seca, o Córrego do Trigo, e o Córrego do Macaco,.

O Instituto Internacional de Ecologia de São Carlos em conjunto com a empresa Venturo Análises Ambientais Ltda. realiza a análise do material coletado.

Os resultados obtidos nos laudos técnicos de análise da água foram postos em comparação com os resultados obtidos na primeira etapa deste programa, isto é, no período pré-obras. Até o momento, concluiu-se que não houve alterações significativas dos parâmetros. Além disso, não foi constatado impacto nos trechos dos ecossistemas aquáticos avaliados em decorrência do início das obras na rodovia. Portanto, as obras não interferiram na qualidade da água dos córregos estudados.

Confira abaixo algumas imagens das amostragens realizadas: