BR-153

Plano de Controle e Redução da Poluição do Solo

Conheça mais nosso Plano de Controle e Redução da Poluição do Solo!

Através dele, garantimos na obra de duplicação da BR-153 a minimização da poluição do solo e da água superficial e subterrânea, além da destinação dos resíduos em locais apropriados.

 

#ConscientizaDNIT

Atenção Motoristas.
No trânsito seja consciente.

IMG_4216IMG_4217IMG_4218

 

Fonte: DNIT

Coleta de Água – Córrego da Felicidade

Confira nosso acompanhamento da coleta de água no Córrego da Felicidade:

 

Essa atividade faz parte do nosso plano de controle de poluição dos recursos hídricos e superficiais.

 

Dia Mundial do Pedestre

pedestre

Hoje, dia 08 de agosto, comemoramos o Dia Mundial do Pedestre.

Esta data foi criada pela Organização das Nações Unidas (ONU) para alertar sobre a prioridade da segurança dos pedestres, que são considerados como sendo o componente mais vulnerável nas situações de trânsito, e conscientizar o motorista em relação à importância do seu papel como protetor do pedestre.

Não são só motoristas que precisam ficar atentos, os pedestres também precisam assumir comportamentos seguros para evitar acidentes.

 

05 dicas de travessia para os pedestres:

1) Segurança na travessia: Atravesse as ruas olhando para ambos os lados, respeite os sinais de trânsito e faixas para pedestres.

2) Comunicação com os motoristas: Antes de atravessar na frente dos veículos, faça contato visual com os motoristas para ter certeza de que eles te viram.

3) Travessia na faixa: Utilize a faixa de pedestres sempre que disponível. Quando não houver, procure outros locais seguros para atravessar, seja na esquina, em passarelas ou próximo a lombadas eletrônicas.

4) Pontos cegos: Não atravesse a rua por trás de carros, ônibus, árvores ou postes, pois a probabilidade de você não ser visto é grande.

5) Na contramão: Em estradas ou vias sem calçadas, caminhe de frente para o tráfego (no sentido contrário aos veículos).

 

05 dicas para motoristas evitarem atropelamentos:

1) Não induza o pedestre a atravessar mais rápido: Se caso o pedestre já tiver iniciado a travessia e, durante esse tempo o semáforo mudar, o pedestre tem a prioridade para concluir a travessia.

2) Dê a preferência: seja gentil e facilite a travessia. Quando houver faixa sem sinal luminoso, a preferência é do pedestre.

3) Atenção: Um atropelamento é sempre uma tragédia. Por isso, na proximidade de pedestres, reduza a velocidade e redobre a atenção.

4) Faixa de pedestres: Como o próprio nome já diz, a faixa é para a travessia dos pedestres. Não pare na faixa.

5) Buzina: Evite buzinar o tempo todo para pedestres. Isso só causa stress e sustos desnecessários, o que pode comprometer a segurança.

 

Fonte: Portal do Trânsito

Sarampo: Vacine-se

As-10-vacinas-mais-importantes-na-hora-de-viajar-2

O que é sarampo?

Sarampo é uma doença infecciosa transmitida pela tosse e espirro extremamente contagiosa que pode ser contraída por pessoas de qualquer idade. Os principais sintomas do sarampo são manchas vermelhas, que surgem primeiro no rosto e atrás das orelhas, febre alta e dor de cabeça.

O Ministério da Saúde registrou, entre 05 de maio a 03 de agosto de 2019, 907 casos confirmados de sarampo no Brasil, em três estados: São Paulo (901), Rio de Janeiro (5) e Bahia (1).

 

Quais são os sintomas do sarampo?

Os principais sinais e sintomas do sarampo:

  • Febre alta, acima de 38,5°C;
  • Dor de cabeça;
  • Manchas vermelhas, que surgem primeiro no rosto e atrás das orelhas, e, em seguida, se espalham pelo corpo
  • Tosse;
  • Coriza;
  • Conjuntivite;
  • Manchas brancas que aparecem na mucosa bucal conhecida como sinal de koplik, que antecede de 1 a 2 dias antes do aparecimento das manchas vermelhas.

 

Como o sarampo é transmitido?

A transmissão do sarampo ocorre de forma direta, por meio de secreções expelidas ao tossir, espirrar, falar ou respirar. Por isso, é elevado o poder de contágio da doença. O sarampo afeta, igualmente, ambos os sexos.

 

Como prevenir o sarampo?

A vacinação é a única maneira de prevenir a doença. O esquema vacinal vigente é de duas doses de vacina com componente sarampo para pessoas de 12 meses até 29 anos de idade, sendo uma dose da vacina tríplice viral aos 12 meses de idade e uma doses da vacina tetra viral aos 15 meses de idade, até 29 anos o indivíduo deverá ter duas doses. Uma dose da vacina tríplice viral também está indicada para pessoas de 30 a 49 anos de idade.

As vacinas estão disponíveis nas mais de 36 mil salas de vacinação do país de acordo com as indicações do Calendário Nacional de Vacinação.

 

Fonte: Ministério da Saúde

Imagens aéreas

Confira imagens aéreas da obra da BR-153.

 

Abaixo vídeos e fotos da Avenida Juscelino Kubitschek, feitas dia 18 de julho de 2019.

fe9d5626-1905-460f-a2ed-14b15d95ec37

f3b358e7-8f47-4c9c-8f5c-fa05e964946d